sexta-feira, 20 de abril de 2018

O Primeiro Pão

Mais uma receita para os mais pequeninos. Esta receita é do livro Bimby Baby Box, embora tenha feito de maneira tradicional. É um pão sem sal e praticamente sem côdea, perfeito para os pequenotes começarem a mordiscar.

A minha pequena, está quase a fazer 10 mesinhos e nessa altura tentarei com que ela coma refeições completas de sopa, prato e fruta. Assim sendo, é minha intenção fazer para pratos principais uns purés com carne ou peixe ou umas açordas ( sem refogados) e para isso já tenho este pão que fiz. Numa segunda fase passarei a dar-lhe uns bocadinhos de pão para ela morder e explorar assim como o arroz e as massas.

Eu sou muito maricas nesta coisa de passar a dar-lhes texturas, já com o meu filho mais velho foi a mesma coisa, enervo-me mesmo com medo que se engasguem ou quando se engasgam mesmo. Ainda hoje a pequena se atrapalhou com um bocado de carne na sopa e eu é que fiquei toda a tremer, não tenho remédio! 

Aqui vos deixo a receita deste pão que poderão dar mais cedo do que eu, desde que o glúten já tenha sido introduzido.


Ingredientes:

150 g de água
10 g de fermento de padeiro fresco ou 1 colher de chá de fermento de padeiro seco
250 g de farinha de trigo T65
Azeite para untar

Preparação:


Aquecer a água para que fique tépida e dissolver o fermento e 50 g da farinha. Aguardar cerca de uma hora até que a massa apresente bolhas.



Com a batedeira ou à mão amassar a massa anterior com 200 g de farinha durante 5 minutos ou até que fique bem elástica. 



Formar uma bola e deixar levedar um hora ou até a massa dobrar de volume, num recipiente untado com azeite e tapado com um pano ou película aderente.



Transferir a massa para uma forma de bolo inglês untada com azeite e polvilhada com farinha e deixar levedar mais 30 minutos.




Cozer em forno pré-aquecido a 180 ºC durante 30 minutos ou até que ao bater no pão o som seja oco.


Retirar, aguardar uns minutos, desenformar e deixar arrefecr numa grelha.






sábado, 31 de março de 2018

Folar de Páscoa

Antes de mais aproveito para desejar uma Santa Páscoa a todos!

Adoro folar e há bastante tempo que o faço sempre, gosto mesmo de ir comendo este pão doce durante a semana, adoro! 

Estive para não partilhar esta receita, não pela receita mas pelas fotos, que foram tiradas à pressa e sem a luz necessária, pois o meu filho, que ajudou a fazer os folares estava em pulgas para os provar. Não era sequer para o ter aberto hoje mas teve de ser para lhe fazer a vontade. 

A receita veio do blogue da Cláudia, O Prazer da Cozinha, só tive pena de o ter deixado cozer um bocadinho demais, gosto mais deles para o mal cozido, mas seja como for é uma receita que merece ser partilhada, pois fica um folar bem macio. Da receita original alterei o sabor pois juntei canela e erva-doce e usei fermento de padeiro seco. Na minha opininão vele muito a pena ser feito!



Ingredientes:

300 g de farinha
60 de açúcar 
50 g de manteiga à temperatura ambiente
10 g de fermento de padeiro fresco ( ou 3.5 g de fermento de padeiro seco)
2 colheres de sopa de leite morno
2 ovos
1 colher de chá de canela
1 colher de chá de erva-doce 
1 ovo para pincelar
açúcar oara polvilhar ( opcional)

Preparação:

Dissolver o fermento de padeiro no leite morno e reservar 10 minutos.

Na taça da batedeira colocar a farinha, o açúcar, a manteiga, os ovos, a canela e a erva-doce e amassar durante 5 a 7 minutos, até ficar uma massa elástica.

Deixar levedar até dobrar de volume. 

Moldar os folares, pincelar com o ovo batido, salpicar com açúcar e deixar levedar por cerca de 40 minutos.

Cozer em forno pré-aquecido a 180 º C cerca de 25 minutos ou até estar cozido a gosto. 

Nota: Eu cozi um ovo com cascas de cebola e usei num dos folares.